O que difere um transtorno bipolar e os princípios de uma depressão?

22/03/2017

O transtorno bipolar é uma doença crônica na qual a pessoa alterna fases de depressão e euforia, enquanto a depressão é um problema que caminha apenas com o sentimento de tristeza profunda e persistente. Quem sofre de depressão, entretanto, pode desenvolver a fase de hipomania a qualquer momento, migrando seu diagnóstico para o de bipolaridade.

 

 

Se a pessoa apresentar pelo menos um pico de mania, será caracterizado o Transtorno Bipolar Tipo 1. Caso a pessoa seja acometida por mais de um episódio de mania, em menor intensidade e alternando com períodos de depressão, o Transtorno Bipolar é do tipo 2.

 

Existe ainda o Estado Misto, no qual os sintomas depressivos e eufóricos acontecem de forma simultânea — a aceleração e o excesso de energia da mania se confundem com os sentimentos e pensamentos negativos da depressão. A angústia leva ao desespero, como se a pessoa estivesse em um beco sem saída. Esta é uma das fases em que a pessoa pode cometer suicídio, pois o sofrimento é muito grande.

 

Depressão e Fase Depressiva do Transtorno Bipolar

Os sintomas de um quadro depressivo são similares ao da fase depressiva do Transtorno Bipolar. Por isso, é importante ficar atento se a pessoa apresenta quadros de mania intercalados com a depressão. Conheça os sintomas da depressão nos dois transtornos, e como a fase da euforia se manifesta no bipolar:

 

 

Principais sintomas da depressão (em ambos transtornos)

A fase de depressão é caracterizada por uma tristeza persistente e que não tem fim. A pessoa tem uma visão negativa sobre si mesma, em relação ao mundo e ao futuro. O depressivo só consegue se lembrar das coisas negativas, e não acredita que coisas boas possam acontecer. Os principais sintomas são:


– Sensação de vazio e melancolia;

– Ansiedade;

– Dificuldade de concentração;

– Perda de prazer nas atividades que, anteriormente, eram prazerosas;

– Choros sem motivo;

– Perda da motivação;

– Insônia ou excesso de sono;

– Alteração no apetite, levando à perda ou ganho de peso.

 

 

Principais sintomas da mania (no transtorno afetivo bipolar)

A mania é um estado de excessos, no qual a pessoa apresenta um bem-estar perigoso, passando a agir sem filtros. Nesta fase, a pessoa vive em um ritmo acelerado e apresenta alterações na forma de pensar, agir e sentir. Em geral, o bipolar em fase maníaca apresenta os seguintes sinais:

– Comportamentos extravagantes;

– Redução da necessidade de dormir;

– Compulsão por compras e gastos excessivos;

– Alterações na forma de se vertir, tornando-se mais ousado;

– Interação com desconhecidos, falando de sua vida pessoal sem constrangimentos;

– Criação de ideias e planos grandiosos, fora da realidade;

– Comportamento autoconfiante, assertivo e convincente;

– Compulsão alimentar, bebendo demais e até fazendo uso excessivo de drogas;

– Pouco controle do temperamento;

– Desinibição e aumento de energia, podendo manter relações sexuais com muitos parceiros;

– Hiperatividade e aumento excessivo de energia;

– Pensamentos acelerados, que se atropelam e diminuem a concentração e o foco;

– Fala em excesso;

– Negação de todos os comportamentos acima.

 

Em geral, a fase da mania faz com que os portadores do transtorno bipolar percam a capacidade de autocrítica, e acabam avaliando a euforia como uma melhora no quadro depressivo. Por isso, pode ser que deixem de tomar os medicamentos nesse período, piorando gradativamente o quadro bipolar.

 

 

 

Importância em diferenciar o transtorno bipolar e a depressão

Por possuir fases que apresentam os mesmos sintomas, os diagnósticos podem ser confundidos facilmente. Quando isso acontece, o tratamento pode ser conduzido de forma errônea, com medicamentos que podem agravar ainda mais o quadro. Quando um bipolar é diagnosticado como um depressivo e é medicado com antidepressivos, pode apresentar acentuadas viradas da depressão para a mania, agravando o problema e trazendo sérios prejuízos para sua saúde e vida. Por isso, estar atento aos sintomas é fundamental para um diagnostico correto.

 

 

Please reload

O que são crenças limitantes?

05.07.2018

Como criamos a Frustração

05.07.2018

Como a ansiedade muda a nossa percepção do mundo?

05.07.2018

Chorar bastante pode fazer bem

05.07.2018

1/4
Please reload

SOBRE O SITE

A ideia deste site é contribuir com informações sobre psicoterapia, psicologia, bem estar e saúde emocional.

 

 A psicóloga Beatriz Brandão atende na região de Moema em São Paulo, no seu consultório de psicoterapia.

 

Seja muito bem-vindo, e espero que você encontre aqui as ferramentas para fazer você compreender melhor o trabalho do psicólogo no processo de terapia e desenvolver o que há de melhor em você.

CONTATO

  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Google+ Icon
  • White YouTube Icon

BEATRIZ BRANDÃO

PSICÓLOGA

MAPA SITE

|   CRIADO POR: BEATRIZ BRANDÃO | PSICÓLOGA BEATRIZ BRANDÃO   |  MOEMA | CLINICA PSICOLOGIA  |  ATENDIMENTO PSICOLOGICO | PSICOTERAPIA | PSICOLOGIA | 2017 |