Como lidar e ajudar pessoas com depressão

22/03/2017

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), quase 7% da população mundial — cerca de 400 milhões de pessoas — têm depressão. Para 2030, a estimativa é de que doença afete mais pessoas do que qualquer outro problema de saúde, inclusive doenças cardiovasculares e cânceres.

 

Muitos mais do que uma tristeza passageira, a depressão é caracterizada por uma tristeza persistente, que não tem fim. O principal sintoma da doença é a negatividade em relação a si mesmo, ao restante do mundo e ao futuro. O depressivo só se recorda das coisas negativas, e não acredita que coisas boas possam acontecer.

 

Para ajudar uma pessoa que está sofrendo de depressão, o primeiro passo é identificar os sintomas da doença. Isso porque ela geralmente é confundida com tristeza e, por esse motivo, acaba não recebendo o tratamento necessário. Nesses casos, o quadro pode se agravar consideravelmente, dificultando a recuperação.

 

Tristeza x Depressão

A tristeza faz parte da vida e, em geral, uma pessoa que está triste tem um motivo específico para este sentimento — que dura por um tempo relativamente curto. A depressão, por outro lado, está associada a uma tristeza sem motivo e que consome todos os seus pensamentos.

 

Entenda, a seguir, as principais diferenças entre tristeza a depressão:

 

Tristeza

– A tristeza geralmente está associada a algum motivo específico, e a pessoa afetada fica neste estado durante um tempo relativamente curto;
– Uma pessoa triste é capaz de mudar seu estado de espírito quando algo bom acontece, e consegue pensar em coisas positivas;
– Pensamentos repetitivos sobre a razão da tristeza;
– Pode estar acompanhada de sintomas físicos, como aperto no peito, taquicardia e choro.

 

Depressão

– Caracterizada por uma tristeza profunda e sem motivo;
– Impede que a pessoa veja o lado bom das coisas;
– A pessoa depressiva não consegue se recordar de acontecimentos positivos;
– Pode ser acompanhada de pensamentos suicidas;
– O depressivo pode apresentar ansiedade e dificuldade de concentração;
– A pessoa afetada pela depressão perde o gosto pelas coisas;
– A pessoa depressiva pode apresentar choros sem motivos e com frequência, além de falta de prazer, motivação e melancolia;
– Interpretação distorcida e negativa da realidade: tudo é visto sob a ótica depressiva, um tom “cinzento” para si, os outros e o seu mundo;
– O depressivo não acredita que coisas boas podem acontecer;
– O depressivo pode apresentar alterações no apetite, acompanhadas por perda ou ganho de peso;
– Pode ser acompanhada por dores e outros sintomas físicos não justificados por problemas médicos, como dores de barriga, má digestão, azia, diarreia, constipação, flatulência, tensão na nuca e nos ombros, dor de cabeça ou no corpo, sensação de corpo pesado ou de pressão no peito, entre outros;
– Diminuição do desempenho sexual e da libido;
– Insônia ou outras alterações do sono.

Como lidar e ajudar pessoas com depressão

 

A melhor maneira de ajudar alguém com depressão é incentivando para que ela busque ajuda e tratamento com profissionais.

 

Acompanhar a pessoa a uma consulta é também pode ajudar, bem como levá-la para fazer coisas que antes lhe davam prazer.

 

Outro ponto importante é ter compreensão e paciência, pois muitas pessoas acabam confundindo depressão com tristeza ou preguiça. Ouça a pessoa, tente entender o que ela sente e nunca menospreze esses sentimentos. Lembre-a de momentos positivos da sua vida, seja por meio de histórias ou de fotos. Dê esperança.

Please reload

O que são crenças limitantes?

05.07.2018

Como criamos a Frustração

05.07.2018

Como a ansiedade muda a nossa percepção do mundo?

05.07.2018

Chorar bastante pode fazer bem

05.07.2018

1/4
Please reload

SOBRE O SITE

A ideia deste site é contribuir com informações sobre psicoterapia, psicologia, bem estar e saúde emocional.

 

 A psicóloga Beatriz Brandão atende na região de Moema em São Paulo, no seu consultório de psicoterapia.

 

Seja muito bem-vindo, e espero que você encontre aqui as ferramentas para fazer você compreender melhor o trabalho do psicólogo no processo de terapia e desenvolver o que há de melhor em você.

CONTATO

  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Google+ Icon
  • White YouTube Icon

BEATRIZ BRANDÃO

PSICÓLOGA

MAPA SITE

|   CRIADO POR: BEATRIZ BRANDÃO | PSICÓLOGA BEATRIZ BRANDÃO   |  MOEMA | CLINICA PSICOLOGIA  |  ATENDIMENTO PSICOLOGICO | PSICOTERAPIA | PSICOLOGIA | 2017 |