Como Superar um Término de Namoro?

Há momentos na vida em que sabemos que a coisa certa a se fazer é deixar alguém que amamos, porque a alternativa é continuar machucado, sofrendo e confuso sobre todo o relacionamento. Isso não significa que por ser a pessoa que vai por um fim na relação, deve se sentir bem. Longe disso, às vezes você carrega o fardo da culpa por magoar o outro, assim como se questiona continuamente se fez ou não a escolha certa. É como se tivesse feito a escolha correta, mas isso não cura seu coração partido. Este artigo foi escrito para ajudar pessoas que terminam um namoro e têm que lutar contra a dor da perda, da mudança e de seguir adiante.

 

 

Apesar da atração física, da compatibilidade de interesses ou qualquer outra coisa, alguns relacionamentos não darão certo.

 

Não fique recordando todos os momentos felizes e tudo que gostava no seu ex. Isso dói muito e lhe cega para o fato de que há muitos outros parceiros em potencial para você encontrar que podem combinar ainda mais com você.

 

Quando pensar que está apaixonado pelo ex novamente (ou ainda) e não sabe o que fazer sem ele, quebre essa corrente de pensamento e lembre todos os motivos pelos quais terminou o namoro.

 

Não importa o quanto se amem; alguns relacionamentos são tóxicos para ambas as partes. Tentar consertar as coisas ou o outro não lhe deixar ver que a relação não era saudável e que "se você tivesse conseguido consertar as coisas, já teria feito isso agora."

 

Quando o amor não dá certo, às vezes nos culpamos. Lembre-se: seu namoro acabou, mas você deu o melhor de si, o melhor que pode. Aprenda com essa experiência; talvez isso aconteceu para prepará-lo para a pessoa certa que ainda está por vir.

 

Não tente "avisar" a próxima pessoa da vida de seu ex. Não é seu trabalho nem é de sua conta interferir. Tentar afundar o relacionamento deles por vingança só prolongará seu sofrimento e raiva.

 

 

Quando estiver namorando novamente, preste atenção aos sinais que notou no seu ex para não substituí-lo por alguém igual. Seu atual lhe sufoca? É falso?

 

Escreva os motivos pelos quais terminou a relação para que possa olhá-los quando começar a pensar que foi loucura terminar. Se ajudar, coloque bilhetinhos no espelho para se lembrar todo dia de que fez a escolha certa.

 

Tente não culpar alguém. Todos somos humanos. Ninguém é perfeito. Perdoe os outros e siga adiante. O futuro guarda mais desafios, então deixe o passado para trás e abrace as novas oportunidades e desafios que vêm pela frente!

 

 

 

Interrompa qualquer contato com a pessoa. A razão para isso é evitar a possibilidade de um vínculo com o ex para tentar amenizar a dor ou porque é conveniente. Nenhum desses motivos é sólido o suficiente para tentar de novo.

 


Tire um tempo para chorar (sozinho). Mesmo que chorar não seja a solução, lhe faz se sentir melhor. Você pode precisar de um travesseiro também, caso queira dar um soco ou gritar com ele. Extravasar seus sentimentos é um grande passo para a superação.

 


Ouça seu ex caso ele tente se justificar, mas não desista. Não o deixe pedir desculpas sem explicar por que ele fez o que fez. O motivo provavelmente será apenas para se justificar e não será razoável, então, se o escutar, faça isso prestando atenção ao egoísmo por parte do seu ex em suas explicações. No final, isso irá lembrá-lo por que terminou com ele.

 

Diga a ele que acabou. Talvez isso seja o mais difícil.Seja bastante específico na carta, telefonema, e-mail etc. Diga por que acabou claramente se seu ex parece não entender. Ele sabe o que fez; você decidiu que não deve confiar nele novamente.

 

Permaneça longe. Quando não estiver perto do seu ex, não pensará tanto nele. No entanto, se tiver que vê-lo (como na igreja, trabalho, escola etc), simplesmente ignore-o sempre que possível.

 

Mantenha-se ocupado. Se tiver outras coisas para fazer, não pensará tanto no ex. Mergulhe no trabalho, em seu hobby, seus estudos ou qualquer coisa que lhe mantenha ocupado. Passe mais tempo com a família e os amigos.

 


Paquere outras pessoas. Olhar para os outros realmente pode lhe ajudar a esquecer o ex, principalmente se você está decidido a encontrar a pessoa certa. Mas tome cuidado com o recomeço; não mergulhe de cabeça em um novo relacionamento para tentar esquecer o antigo. Somente se envolva com outra pessoa se gostar verdadeiramente dela e quiser proceder com um relacionamento sério e maduro. Qualquer coisa que não seja isso pode levar sua relação ao mesmo lugar do antigo

 


Evite trazer o nome do ex à tona quando estiver conversando com os amigos. Desabafe com eles e depois pare. Não fale do ex a todo momento. Isso pode incomodar suas amizades e falar do ex durante muito tempo se torna entediante e frustrante. Lembre-se que acabou e que você não precisa dele, então siga em frente.

 

 

 

 

 

Please reload

O que são crenças limitantes?

05.07.2018

Como criamos a Frustração

05.07.2018

Como a ansiedade muda a nossa percepção do mundo?

05.07.2018

Chorar bastante pode fazer bem

05.07.2018

1/4
Please reload

SOBRE O SITE

A ideia deste site é contribuir com informações sobre psicoterapia, psicologia, bem estar e saúde emocional.

 

 A psicóloga Beatriz Brandão atende na região de Moema em São Paulo, no seu consultório de psicoterapia.

 

Seja muito bem-vindo, e espero que você encontre aqui as ferramentas para fazer você compreender melhor o trabalho do psicólogo no processo de terapia e desenvolver o que há de melhor em você.

CONTATO

  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Google+ Icon
  • White YouTube Icon

BEATRIZ BRANDÃO

PSICÓLOGA

MAPA SITE

|   CRIADO POR: BEATRIZ BRANDÃO | PSICÓLOGA BEATRIZ BRANDÃO   |  MOEMA | CLINICA PSICOLOGIA  |  ATENDIMENTO PSICOLOGICO | PSICOTERAPIA | PSICOLOGIA | 2017 |